Quinta-feira, Fevereiro 29, 2024

Moradores e dependentes químicos do “bambuzal” recebem atenção da Prefeitura

Mais Falados

Guia Comercial

Rafael Arcuri
Rafael Arcuri
Rafael trabalha na redação do Fala São João desde sua fundação em 2012. Nos anos seguintes, ele liderou o setor de marketing da empresa e publicou mais de 4.000 artigos — um mix de notícias de última hora, notícias policiais, notícias políticas e muito mais.

A Prefeitura organizou, na manhã desta segunda (7), uma força-tarefa de viés social na região do Santo Antonio. A iniciativa ganhou o nome de “Operação Bambuzal” e teve como objetivo ajudar os moradores de rua e os dependentes químicos, que viviam em situação de vulnerabilidade naquele espaço.

A ação contou com a participação da Polícia Civíl, da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros, Conselho Tutelar e de todos os Departamentos Municipais. Ao fim dos trabalhos, a operação foi considerada um sucesso pelas autoridades presentes.

Um dos moradores que aceitou a ajuda, foi o senhor Gildo Cerqueira dos Santos, de 59 anos, que vive desde os nove anos em situação de rua. Ele conta que já trabalhou em algumas empresas, porém nunca recebeu apoio para deixar essa condição. Ele gostou desta ação e agora espera ter um local digno para viver.

“É o meu carma, pois há muitos anos vivo nesta situação. Eu sempre preferi viver na rua, mas com essa ajuda, da Prefeitura, pretendo retomar a minha vida”, afirmou, esperançoso.

Todas as pessoas encontradas na área que ficou conhecida como “Bambuzal do Santo Antonio” foram encaminhadas para tratamento especializado, por meio do Departamento de Assistência Social, e receberão atendimento de saúde e apoio psicológico.

De acordo com a diretora da Pasta, Carmem Eliza Garcia, as pessoas que estavam vivendo no bambuzal serão acolhidas pelo plantão social e aquelas que tiverem necessidade de uma clínica de recuperação, serão internadas, de forma voluntária. “A intenção é recuperar esse pessoal, para que todos possam retornar à sociedade, de forma digna”, disse.

O delegado Ivan Luis Constâncio acredita que esta ação vai complementar o trabalho que a Polícia já desenvolve no Santo Antônio, que visa coibir o tráfico de drogas. Ele entende que o trabalho preventivo será ampliado, com mais acesso e visibilidade, já que os dependentes químicos que frequentam o local já perceberam a presença das autoridades:  “Eles precisam ver que estamos aqui para ajudar, mas todos precisam respeitar as leis e a ordem”.

A prefeita Teresinha acredita que, neste primeiro momento, a operação cumpriu com o objetivo principal, já que vários moradores daquele local foram encaminhados para tratamento e não houve nenhum incidente durante o trabalho.

“A gente lamenta que esta situação venha ocorrendo há várias décadas, sem a atenção do poder público, mesmo todos sabendo da precariedade da região. Hoje, não é uma ação isolada, pois iremos continuar atuando aqui, para revitalizar o local e criar condições dignas para os moradores do bairro”, afirmou a prefeita.

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Últimas Notícias

Mulher morre após fritar ovo e sofrer queimaduras graves no interior de SP: Incidente traz alerta sobre segurança na cozinha

Mulher sofre queimaduras graves e falece após incidente na cozinha, no interior de São Paulo. Rio Claro, São Paulo -...
- Advertisement -

Artigos Relacionados

- Advertisement -