Sábado, Fevereiro 24, 2024

Em Aguaí “Projeto Criança Ativa” se destaca inclusão

Mais Falados

Guia Comercial

Rafael Arcuri
Rafael Arcuri
Rafael trabalha na redação do Fala São João desde sua fundação em 2012. Nos anos seguintes, ele liderou o setor de marketing da empresa e publicou mais de 4.000 artigos — um mix de notícias de última hora, notícias policiais, notícias políticas e muito mais.

Alunos portadores do TEA são destaque no Judô.

O projeto Criança Ativa, realizado por meio de uma parceria entre a Prefeitura de Aguaí com a Associação de Judô de Divinolândia, contempla mais de 300 crianças e jovens de 4 a 17 anos, com aulas semanais que acontecem no Celtra dentro das medidas sanitárias de retomada consciente.

“O judô de Aguaí é atualmente referência em nossa região e no estado. Durante a pandemia reformamos o Celtra e várias praças esportivas para que nossos alunos pudessem ter estruturas para a prática do esporte. Agora com a retomada consciente, o judô já está atendendo mais de 300 crianças e jovens e a expectativa é que esse número dobre. O  Criança Ativa é um programa que muito nos orgulha”, destacou o prefeito Alexandre Araújo.

O judô tem características próprias que auxiliam e muito as pessoas com TEA (Transtorno do Espectro Autista). Segundo o sensei Diego Souza, cada aluno tem sua característica própria, e isso faz com que cada treino seja especial. “Tenho alunos autistas e deficientes intelectuais de diferentes idades, e, como sabemos, todos são diferentes uns dos outros. Cada autista e cada deficiente intelectual tem suas características próprias no que diz respeito a limitações, verbalização, tônus muscular, concentração e etc. Cada um é um indivíduo com suas especificidades, e esta individualidade tem que ser respeitada e bem trabalhada” reforçou o sensei.

Toda segunda e quarta-feira acontecem os treinamentos com os autistas, e todo dia é uma conquista. “São dias muito especiais, dias que trabalhamos com esses garotos maravilhosos que mudaram a minha vida, como professor e como ser humano, e cada dia me apaixono mais por esse Esporte maravilhoso que é o Judô”, disse Diego.

(Nas fotos, alunos que fazem parte do projeto: Enzo, Renan e Fabrício)

 Fotos tiradas com autorização dos pais.–

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Últimas Notícias

Desvio de energia em São João da Boa Vista em 2023 é suficiente para abastecer Águas da Prata por 5 dias

Além de ser ilegal, as ligações clandestinas podem resultar em acidentes, incêndios, sobrecargas e interrupções no fornecimento de energia. A...
- Advertisement -

Artigos Relacionados

- Advertisement -