Quinta-feira, Julho 18, 2024

São João da Boa Vista em Alerta: Polícia combate a violência doméstica com ação rápida!

Mais Falados

Guia Comercial

Rafael Arcuri
Rafael Arcuri
Rafael trabalha na redação do Fala São João desde sua fundação em 2012. Nos anos seguintes, ele liderou o setor de marketing da empresa e publicou mais de 4.000 artigos — um mix de notícias de última hora, notícias policiais, notícias políticas e muito mais.

Fato: Violência Doméstica Abala Jardim São Lázaro

No dia 13 de abril de 2024, por volta das 11h58min, os moradores do tranquilo Jardim São Lázaro, em São João da Boa Vista/SP, foram surpreendidos por um incidente chocante que abalou a comunidade.

A tranquilidade foi interrompida por um chamado de violência doméstica, irradiado via COPOM, levando as autoridades locais à residência da vítima, identificada como A. C. T., nascida em 25/11/1997. Ao chegarem ao local, a equipe da VTR I-24102, liderada pelo 3º Sgt PM Ambrósio, encontrou a vítima fora de sua casa, com o rosto ensanguentado e coberto de hematomas.

O laudo médico, expedido pelo Dr. José Eduardo dos Reis CRM 120981, confirmou a gravidade das lesões, que incluíam hematomas por todo o corpo, abdômen, testa, boca, nariz e cabeça. A vítima, após ser medicada e liberada, relatou às autoridades o terrível episódio pelo qual havia passado.

Segundo seu testemunho, após o término do relacionamento, seu ex-parceiro, identificado como L. O. M. C., nascido em 03/04/2006, adentrou à residência de forma violenta. Apesar dos pedidos para que ele se retirasse, o agressor se recusou, ameaçando-a de morte.

Os relatos da vítima descrevem uma sequência de agressões físicas brutais, incluindo socos, pontapés e até mesmo tentativas de agressão com um garfo, que resultaram nas graves lesões que ela apresentava.

Além da violência direcionada a A. C. T., o agressor também tentou ferir seu filho, um bebê de apenas 8 meses, o que foi impedido graças à coragem da mãe, que se colocou entre o agressor e a criança.

Apesar das diligências realizadas pelas autoridades, o agressor não foi encontrado no local. Diante da gravidade do incidente, a vítima foi encaminhada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e, posteriormente, ao Plantão de Polícia Judiciária, onde a Escrivã Camila registrou o ocorrido.

O Delegado de plantão, Dr. Paulo Henrique Pereira Vieira, tomou ciência do caso e elaborou o Boletim de Ocorrência de violência doméstica, ameaça e lesão corporal, sob os registros BOPM: 10979/2024 e BOPC: FC 7375/2024.

Este triste episódio ressalta a urgência de combater e prevenir a violência doméstica, um problema que afeta não apenas indivíduos, mas também comunidades inteiras.

- Advertisement -
- Advertisement -

Últimas Notícias

Vídeo: Batida na Dr. Durval Nicolau (Mantiqueira), Motorista Passa Mal e Derruba Rede Elétrica

No domingo (14), um acidente na Avenida Dr. Durval Nicolau deixou a área da Mantiqueira sem energia elétrica. Por...
- Advertisement -

Artigos Relacionados

- Advertisement -