Sábado, Julho 20, 2024

Rapper Sanjoanense Julião SP, sucesso em São Paulo, se apresenta no projeto Arte nas Ruas 2024 no CSU Resedás

Mais Falados

Guia Comercial

Rafael Arcuri
Rafael Arcuri
Rafael trabalha na redação do Fala São João desde sua fundação em 2012. Nos anos seguintes, ele liderou o setor de marketing da empresa e publicou mais de 4.000 artigos — um mix de notícias de última hora, notícias policiais, notícias políticas e muito mais.

São João da Boa Vista celebrou com sucesso o 1º Arte nas Ruas

Na último Domingo, 5 de maio, São João da Boa Vista foi palco de um evento marcante que agitou a cidade com uma explosão de talento local e apresentações especiais. O 1º Arte nas Ruas transformou o cenário urbano em um vibrante palco de expressão artística.

O local do evento foi o CSU José Carlos Colabardini, localizado no cruzamento no Parque dos Resedás. Foi lá que os melhores momentos do dia aconteceram, com uma variedade de atividades que incluíram música, dança, graffiti, DJs e uma partida de NBR (Novo Basquete de Rua).

Durante sua apresentação o Rapper Julião SP mandou essa citação:

“Basta de mecanismos jornalísticos que distorcem a verdade, pregando o sensacionalismo e a desinformação, e dividindo a população!”

Julião SP

Confira a entrevista exclusiva de Julião SP ao Jornal Fala São João:

Rapper Julião SP: O Sucesso de um Sanjoanense em São Paulo

Nos meados da década de 1990, o hip hop começava a ganhar espaço no Brasil, e foi nessa época que Julião SP teve seu primeiro contato com esse universo. Mas foi nos finais dos anos 90 que ele começou a cantar as músicas dos rappers que dominavam a cena naquela época. No entanto, foi no início dos anos 2000, entre 2000 e 2001, que Julião realmente começou a se destacar como compositor, trilhando seu caminho na cultura Rap Nacional/Hip Hop.

🎤 Julião SP – 38 anos (03/12/1985)
📍 Natural de São João da Boa Vista/SP
🌍 Etnia: Afrodescendente
👨🏽‍🦱 Cor: Parda
♐️ Signo: Sagitário
👫 Estado civil: Casado

Nascido em São João da Boa Vista, SP, Julião se tornou um dos pioneiros como compositor oficial da cultura rap nacional, representando o interior paulista. Sua cidade natal foi o ponto de partida para sua jornada na música, onde ele absorveu influências e contribuiu para a cena local.

Com um álbum intitulado “Refém do Caos Moderno”, Julião SP mostrou sua versatilidade e originalidade como artista. No entanto, sua contribuição vai além das músicas gravadas. Com mais de 30 composições próprias, algumas delas com participações especiais, Julião se destaca como um dos nomes mais importantes da cena hip hop.

Prêmios:

Seus talentos foram reconhecidos através de prêmios, incluindo o troféu de Revelação do Rap Nacional em Diadema, e o prêmio Arte Movimento, sendo este último considerado o maior reconhecimento para um artista do seguimento hip hop.

Com uma carreira sólida e uma lista extensa de músicas, Julião SP continua sua jornada até os dias de hoje. Dividindo-se entre São João da Boa Vista e São Paulo, ele mantém viva a chama do rap e continua a inspirar uma nova geração de artistas.

Discografia, Clipes e Parcerias:

Julião SP: Uma Jornada Musical Pautada pela Colaboração e Autenticidade

Desde os seus primeiros passos na cena musical, Julião SP tem deixado uma marca indelével não apenas pelo seu talento singular, mas também pela sua capacidade de colaboração e pela narrativa autêntica que traz em suas músicas. Sua trajetória é um testemunho da riqueza cultural e do poder de conexão que a música possui.

O artista iniciou sua carreira de forma promissora com o lançamento do clipe “Se Vale a Pena Se Não Vale”, em 2011, sob a produção geral de Carlinhos BLACKOUT e outros produtores notáveis como Joilson Vargem. Este marco inicial foi apenas o prelúdio para uma jornada que se revelaria ainda mais significativa ao longo dos anos.

Em 2022, Julião SP deu mais um passo marcante com o lançamento do clipe oficial “O Som que Vem do Gueto”, gravado no emblemático Capão Redondo. Esta peça audiovisual não apenas captura a essência vibrante da comunidade, mas também destaca a importância da sua mensagem musical.

Seu primeiro álbum, “Refém do Caos Moderno”, lançado em meio aos desafios da pandemia, solidificou sua posição como um dos nomes mais importantes do cenário do rap nacional. Com faixas como “Refém do Caos”, “O Sangue Derramado” e “Grito de Liberdade”, Julião SP não apenas compartilha sua própria história, mas também dá voz às experiências e lutas daqueles que o cercam.

Parte fundamental dessa jornada são as colaborações que permeiam sua obra. Desde veteranos como DINO BLACK da Família Gog até talentos emergentes como Dr. Mr da banda de rap R88 e os Niggas MC de São José do Rio Pardo, Julião SP constrói pontes entre diferentes gerações e comunidades, enriquecendo assim o tecido cultural do rap brasileiro.

Além disso, seu compromisso com a autenticidade e a representação das raízes do hip-hop é evidenciado em cada produção. Do apoio da cultura lowrider ao reconhecimento internacional na revista Rap Brasil, Julião SP mantém vivo o legado do rap como uma forma de expressão genuína e resistência.

À medida que novas músicas e parcerias surgem, é evidente que Julião SP continua a trilhar um caminho de impacto e relevância no cenário musical, mantendo-se fiel à sua essência e às comunidades que o inspiram. Sua música não apenas ressoa nos ouvidos, mas ecoa nos corações daqueles que a ouvem, reafirmando o poder transformador da arte e da colaboração.

- Advertisement -
- Advertisement -

Últimas Notícias

São João da Boa Vista Conquista Ouro na Estreia dos 66º Jogos Regionais em Bragança Paulista

As primeiras partidas dos 66º Jogos Regionais do Estado de São Paulo, que este ano estão sendo realizados em...
- Advertisement -

Artigos Relacionados

- Advertisement -