Quinta-feira, Fevereiro 29, 2024

Assassinato de estudante da UNICAMP choca São João da Boa Vista, confira a matéria atualizada

Mais Falados

Guia Comercial

Rafael Arcuri
Rafael Arcuri
Rafael trabalha na redação do Fala São João desde sua fundação em 2012. Nos anos seguintes, ele liderou o setor de marketing da empresa e publicou mais de 4.000 artigos — um mix de notícias de última hora, notícias policiais, notícias políticas e muito mais.

Michael Douglas da Silva, que é esquizofrênico, é suspeito de matar Mayara Roquetto Valentim, de 23 anos, com 28 facadas, no domingo (15). Cães farejadores e 45 policiais trabalham nas buscas.

Polícia procura suspeito de matar estudante; homem tentou matar outra mulher em São João da Boa Vista — Foto: Polícia Civil/Divulgação
Polícia procura suspeito de matar estudante; homem tentou matar outra mulher em São João da Boa Vista — Foto: Polícia Civil/Divulgação

A Polícia Civil de São João da Boa Vista (SP) entrou no segundo dia de buscas pelo homem de 28 anos suspeito de assassinar a estudante Mayara Roquetto Valentim com 28 facadas, no domingo (15).

A jovem, que cursava Ciências Biológicas na Unicamp, tinha o sonho de ser professora (leia sobre ela aqui). O corpo dela foi enterrado nesta terça-feira (17), no Cemitério Municipal.

Michael Douglas da Silva é suspeito de tentar matar outra mulher, no sábado (14), e já há um mandado de prisão temporária contra ele, segundo o delegado Fabiano Antunes. Ele também tinha tentado matar o padrasto.

2º dia de buscas

A operação de buscas por Silva foi reforçada nesta terça e conta com cães farejadores e 45 policiais civis e militares. A Guarda Municipal também ajuda. O delegado não detalhou a extensão das buscas na Serra, que é uma área de mata.

No local, há uma estrada com cerca de 18 km de extensão. “Estamos trabalhando. Por enquanto não foi localizado”, disse. (veja aqui mais detalhes sobre o local das buscas).

Serra da Paulista, local onde corpo de Mayara Roquetto Valentim, de 23 anos, foi encontrado em São João da Boa Vista — Foto: Ely Venâncio/EPTV
Serra da Paulista, local onde corpo de Mayara Roquetto Valentim, de 23 anos, foi encontrado em São João da Boa Vista — Foto: Ely Venâncio/EPTV

Também são feitas buscas na cidade. O corpo de Mayara foi encontrado no ‘Vale dos Gnomos’, a cerca de 3,9 km da casa dela, que fica no bairro Vila Valentin. No local há uma trilha frequentada por moradores e turistas.

Antes da localização do corpo, o suspeito foi visto por moradores pedindo comida na região. Um chinelo dele e uma lona que ele teria usado para dormir foram encontradas por cães farejadores.

Denúncias podem ser feitas pelo telefone (19) 3622-2074, da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), ou pelo WhatsApp: (19) 99402-6170.

Condomínio onde jovem assassinada morava fica a 3,9 km do local onde corpo foi encontrado na Serra da Paulista — Foto: Fabio Rodrigues/g1
Condomínio onde jovem assassinada morava fica a 3,9 km do local onde corpo foi encontrado na Serra da Paulista — Foto: Fabio Rodrigues/g1

Tentativa de homicídio e fuga

Antes de matar Mayara, segundo a polícia, o suspeito teria apontado uma arma para a vizinha em uma pensão, mas os disparos falharam. Ele morava com a família em São João, mas, por ser muito violento, um quarto foi alugado para que ele vivesse sozinho, segundo o delegado.

“Ele atraiu sua vizinha até o quarto e pediu para ela ajudar a puxar um armário. Assim que ela entrou, ele deu uma coronhada na cabeça dessa moça e efetuou dois disparos, mas a arma falhou. Eles entraram em luta corporal, ela pediu socorro e ele fugiu. [Depois de tentar matar a vizinha], ele se escondeu na área de mata, onde teria encontrado a Mayara e a teria matado. Ele tem passagens pela polícia por crime de violência doméstica e porte ilegal de arma”, disse o delegado em entrevista ao g1 na segunda-feira (16).

O delegado Fabiano Antunes fala sobre o crime em São João da Boa Vista — Foto: Fabio Rodrigues/g1
O delegado Fabiano Antunes fala sobre o crime em São João da Boa Vista — Foto: Fabio Rodrigues/g1

Perícia em quarto

No quarto da pensão onde Silva estava morando, há um desenho de uma suástica, que é símbolo nazista, na parede. Além disso, também está escrito ‘Satanás’, ‘Massacre de Suzano‘, em referência ao assassinato de sete pessoas em uma escola em Suzano (SP), em 2019, e ‘Lázaro Barbosa’, homem que matou uma família em Ceilândia, no Distrito Federal, e cometeu pelo menos sete crimes em Goiás. Ele conseguiu se esconder das autoridades por 20 dias, quando foi baleado, capturado e morto.

A Polícia Civil solicitou uma perícia no local e aguarda resultados.

Quarto de suspeito de assassinato em São João da Boa Vista tinha menções a crimes — Foto: Carioca/Noticias Policiais
Quarto de suspeito de assassinato em São João da Boa Vista tinha menções a crimes — Foto: Carioca/Noticias Policiais

Desaparecimento e corpo encontrado

De acordo com informações da Polícia Militar, a jovem tinha saído por volta das 11h, do domingo (15), para fazer uma caminhada na Serra da Paulista e não retornou para casa.

A estudante Mayara Roquetto Valentim, de 23 anos, foi assassinada em São João da Boa Vista — Foto: Reprodução/Facebook
A estudante Mayara Roquetto Valentim, de 23 anos, foi assassinada em São João da Boa Vista — Foto: Reprodução/Facebook

O corpo de Mayara foi encontrado durante a noite, por uma pessoa que ajudava nas buscas. Ela tinha ferimentos de faca no braço, mão, tórax e cabeça. O cadáver estava a cerca de 3,9 km de onde ela morava.

“A gente iniciou uma série de investigações depois que ela foi encontrada morta. Coletando as imagens do primeiro crime, a gente tinha as roupas do Michael quando ele fugiu e, conversando com moradores do local onde ela foi encontrada, a gente descobriu que o Michael esteve na Serra da Paulista pedindo comida. Após a prática do primeiro crime, ele encontrou essa moça e veio a matá-la”, explicou o delegado na terça.

Mayara Roquetto Valentim, de 23 anos, morava em São João da Boa Vista — Foto: Reprodução/Facebook
Mayara Roquetto Valentim, de 23 anos, morava em São João da Boa Vista — Foto: Reprodução/Facebook.

Matéria: G1 o Portal de Notícias da Globo

- Advertisement -

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Últimas Notícias

Mulher morre após fritar ovo e sofrer queimaduras graves no interior de SP: Incidente traz alerta sobre segurança na cozinha

Mulher sofre queimaduras graves e falece após incidente na cozinha, no interior de São Paulo. Rio Claro, São Paulo -...
- Advertisement -

Artigos Relacionados

- Advertisement -