Sexta-feira, Fevereiro 23, 2024

Até quando vai o Lockdown da “Fase Emergencial” determinada pelo governo?

Mais Falados

Guia Comercial

Rafael Arcuri
Rafael Arcuri
Rafael trabalha na redação do Fala São João desde sua fundação em 2012. Nos anos seguintes, ele liderou o setor de marketing da empresa e publicou mais de 4.000 artigos — um mix de notícias de última hora, notícias policiais, notícias políticas e muito mais.

O governador de São Paulo, João Doria, anunciou nesta quinta-feira (11) que São Paulo vai entrar na fase emergencial do Plano SP a partir de segunda-feira (15). Inédita até aqui, a nova medida de restrições endurece ainda mais o combate ao coronavírus no estado, que passa pelo pior momento desde que a pandemia teve início no Brasil e deve durar até o dia 30 de março.

Na semana passada todo o estado já havia entrado na fase vermelha do Plano SP e apenas serviços essenciais e alguns setores econômicos estavam com as atividades liberadas. Como a situação desde sábado (13) piorou e os leitos hospitalares ultrapassaram 95% de lotação, o governo paulista resolveu aprofundar as restrições – veja as regras mais abaixo.

Atividades que estavam liberadas na fase vermelha, como cultos, missas e atividades religiosas coletivas, além de eventos esportivos, como jogos de futebol, estarão suspensas a partir de segunda-feira (15).

Segundo o secretário de saúde, Jean Gorinchteyn, 53 municípios estão com 100% nas taxas de ocupação dos leitos. segunda-feira (8), 32 municípios estavam com os leitos lotados. “É a velocidade de instalação da pandemia no nosso estado que compromete a assistência à vida”, disse.

O estado contabiliza uma taxa de 87,6% de ocupação das UTIs; na Grande SP a taxa chega a 86,7%.

De acordo com dados apresentados hoje, a média diária de novos casos aumentou 12% da semana passada para cá, enquanto o número de óbitos também subiu 12,3% na virada das semanas. Ao todo, 9.184 pacientes estão internados em UTI covid no estado e outros 1.065 estão aguardando na fila de UTIs.

O que vai funcionar na fase emergencial do Plano SP?

As principais alterações do Plano SP para a Fase Emergencial

– O toque de recolher terá início das 20h até 5h;

– Farmácias seguirão funcionando 24h;

– Supermercados seguirão funcionando 24h;

– Praias e parques estarão fechados e com uso proibido;

– Proibição completa de qualquer aglomeração;

– Home office será obrigatório para todas as atividades administrativas não essenciais, incluindo órgãos públicos;

– Os serviços de entrega de alimentos e produtos ao cliente serão permitidos durante todo o dia apenas no sistema delivery; os drive-thrus estarão abertos entre 5h e 20h;

– Retirada de produtos e refeições nos estabelecimentos está proibida;

– Lojas de material de construção estarão fechadas;

– As celebrações religiosas coletivas estão proibidas;

– Atividades esportivas coletivas foram suspensas;

– As escolas públicas estarão abertas apenas para alimentação e distribuição de materiais e chips (com agendamento prévio);

– A recomendação é para que todas as atividades nas escolas sejam reduzidas ao mínimo necessário;

– Na rede particular a prioridade deve ser o ensino remoto, mas as escolas poderão operar com 35% da capacidade;

– O recesso escolar foi antecipado para o período de 15 a 28 de março;

O governo orienta a adoção de horário de entrada escalonado para os trabalhadores, evitando, assim, aglomerações no transporte público. A escala ficou da seguinte forma:

  • 5h-7h: trabalhadores da Indústria;
  • 7h-9h: trabalhadores de Serviços;
  • 9h-11h: trabalhadores do Comércio.
- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Últimas Notícias

Biografia de Ir. Clemente: Uma Jornada de Fé, Serviço e Devoção

Consagração do Santíssimo Redentor - Província Nossa Senhora Aparecida IRMÃO CLEMENTE C.Ss.R.(WALDEMAR ÚRSULA DE JESUS) *21.10.1933 +20.02.2024Nasceu no dia...
- Advertisement -

Artigos Relacionados

- Advertisement -