Terça-feira, Setembro 21, 2021

Aguaí já vacina jovens de 16 e 17 anos com comorbidades, grávidas ou puérperas

Mais Falados

Paciente deixa a Santa Casa depois de 40 dias internada com Covid-19

Uma mulher de 35 anos, que ficou internada na Santa Casa de Misericórdia Dona Carolina Malheiros, durante 40 dias,...

João Doria aprova projeto para reuso de água do deputado estadual Marcos Damásio

Projeto de Damasio de reuso de água agora é lei A proposta do deputado estadual Marcos Damasio (PL) de que...

Time São João/Ginástica Artística da Prefeitura recebe placa em homenagem a professor

Neste sábado (18), completa um ano do falecimento do professor e treinador Sebastião Álvaro Galdino, profissional que brilhou no...
Rafael Arcuri
Rafael trabalha na redação do Fala São João desde sua fundação em 2012. Nos anos seguintes, ele liderou o setor de marketing da empresa e publicou mais de 4.000 artigos — um mix de notícias de última hora, notícias policiais, notícias políticas e muito mais.

A Prefeitura de Aguaí abriu na terça-feira (17), a vacinação contra a COVID-19 para os adolescentes de 16 e 17 anos que possuam alguma comorbidade, estejam grávidas ou que sejam puérperas.

Puérperas são as mulheres que estão passando pelo puerpério, período pós-parto que se inicia logo após a saída da placenta —fato que ocorre quando a mulher dá à luz— e dura de 40 a 45 dias…

A vacina é aplicada na Sala Fixa de Vacinação, e o público alvo precisa apresentar a Declaração de Comorbidade, ou o Termo de Compromisso para Gestantes (documentos disponíveis em https://aguai.sp.gov.br/home/elementor-17036/).

O horário de funcionamento é das 10h às 19h, na Rua Sete de Setembro. Se você faz parte deste público, compareça! A divulgação das novas idades é feita pelas redes sociais da Prefeitura de Aguaí, Facebook, Instagram e site oficial.

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Últimas Notícias

Paciente deixa a Santa Casa depois de 40 dias internada com Covid-19

Uma mulher de 35 anos, que ficou internada na Santa Casa de Misericórdia Dona Carolina Malheiros, durante 40 dias,...
- Advertisement -

Artigos Relacionados

- Advertisement -